Dicas de Equipamentos - Concurso Eclipse 21/08

Escolha do equipamento

No Concurso Fotográfico Eclipse 21 de Agosto serão permitidas fotos feitas a partir de celulares, câmeras fotográficas ou telescópios, ou seja, pode tudo! :)

Mas não se engane. A escolha do equipamento é essencial para uma boa foto. Alguns fatores que pode ajudar na decisão de que qual câmera escolher são:

Use Tripé

Não é essencial, mas o tripé ajuda muito a obter fotos de qualidade, principalmente se você está usando grandes aproximações. Com ele, você pode ajustar precisamente o enquadramento antes do disparo e evita tremores na hora do clique. Para eliminar definitivamente os tremores na imagem, é possível usar também o temporizador. Basta uma espera de 2 segundos antes do disparo para eliminar qualquer tremor na imagem.

Filtros

Expor sua câmera por tempo prolongado ao Sol pode danificá-la. Então aconselhamos o uso de filtros para reduzir a luminosidade no momento das fotos. Para os estados mais a oeste, onde o eclipse ocorrerá mais alto no horizonte, é essencial o uso de filtros. Existem dois filtros feitos exclusivamente para observação e fotografia solar: o Thousand-Oaks e o Baader Planetarium. Aqui no Brasil é difícil encontrá-los, então, caso não seja possível comprá-los, recomendamos que se use uma ou duas camadas de filme de raio-x na frente da câmera.

Mas ATENÇÃO: esses filtros improvisados com filmes de Raio-X não são adequados para observação direta do Sol. Para observação visual, prefira os vidros de soldador que são baratos e podem ser encontrados facilmente em lojas de material de contrução. Se não tem o filtro adequado, preserve sua vista. A exposição aos raios ultravioletas do Sol podem provocar danos irreversíveis à visão.

Celulares

É surpreendente como evoluiu a qualidade das imagens feitas com aparelhos celulares ultimamente. Tanto que tem sido crescente a prática da fotografia com celular. Entretanto, como normalmente não se consegue uma boa aproximação (zoom) com esses equipamentos, o Concurso Fotográfico Eclipse 21 de Agosto contará com uma categoria específica para fotos com celular.

A qualidade das câmeras de celular muda muito dependendo do modelo do aparelho. Recomendamos que procure utilizar aparelhos que tenham, além da qualidade da imagem, mais opções de configuração na câmera. Dessa forma, é possível ajustar as configurações para captar a melhor imagem.

Também é possível utilizar acessórios com uma lente de zoom para um melhor enquadramento. Essas lentes não são caras, mas também não transformam seu smartphone em uma câmera profissional como prometem. Muitas delas tem distorções e prejudicam a nitidez da imagem. Entretanto, para fotos do pôr do sol, elas atendem muito bem. Em alguns aparelhos, elas criam uma borda escura nos cantos da imagem, mas nada que um recorte no pós processamento não resolva.

Telescópios

Se for usar telescópio, tenha em mente que precisa protejê-lo antes de expor ele ao Sol. Independente da elevação do Sol, é imprescindível o uso de filtros apropriados para evitar danificar o equipamento ou até mesmo sua visão. Os filtros disponíveis no mercado são o Thousand-Oaks e o Baader Planetarium. Ambos são cormecializados na forma de filme e é preciso adaptá-lo ao telescópio com antecedência. E nesse caso, não há espaços para improviso. Se não conseguir os filtros adequados, opte por registrar o eclipse de outra forma. E não esqueça de protejer também a luneta buscadora.

Adicionalmente, é possível equipar o telescópio com filtros de banda estreita (H-alfa, H-beta ou O-III) que possibilitam a visualização de detalhes da corona solar. Mas ele não dispensam o uso dos filtros solares citados anteriormente.

Teste Muuuuuito!

O eclipse é um momento único e raro. Não deixe para testar as configurações e o enquadramento de ultima hora. Faça fotos do Sol no mesmo horário em que ocorrerá o eclipse e se depare com os mesmos problemas e as mesmas dificuldades que você terá no dia. Esteja preparado para que, no dia 21 de agosto, nada dê errado. E boa sorte!